Informe Gospel TV






Parceiros

Reflexão

Ainda que a minha mente e o meu corpo enfraqueçam, Deus é a minha força, Ele é tudo o que eu preciso. (Salmo 73:26)

Deus é fiel e Jesus salva!

Blog

Ateus e agnósticos estão dispostos a pagar para não receber orações

Um estudo publicado pela Proceedings of the National Academy of Sciences, entidade sediada nos EUA, mostra que nem todos os sobreviventes de tragédias ou desastres naturais estão interessados em receber pensamentos positivos ou orações.

Para chegar nesta conclusão, os pesquisadores ouviram mais de 400 residentes da Carolina do Norte, estado norte-americano que em 2018 foi atingido pelo furacão Florence.

A tempestade causou prejuízos de US$ 24 bilhões, de acordo com os Centros Nacionais de Informação Ambiental.

A economista da Universidade de Wyoming, Linda Thunström, coautora do estudo disse que a intensão da pesquisa é observar a frequência com que os gestos de orações e campanhas de pensamentos para as vítimas são usadas diante das tragédias.

“Como resultado, queríamos descobrir como as pessoas realmente valorizam esses gestos usados ​​com frequência”, revelou ela em entrevista à CNN.

As pessoas que participaram do estudo foram questionadas sobre quanto de dinheiro estavam dispostos a dar em troca de orações de um padre ou estrangeiro cristão, ou pensamentos de estranhos não religiosos e religiosos.

Os cristãos disseram, em média, que pagariam US$ 4,36 por uma oração de um estrangeiro cristão. Se a oração fosse feita por um padre, eles estariam dispostos a pagar US$ 7,17.

Os religiosos avaliaram negativamente os “pensamentos positivos” enviando por pessoas não-religiosas.

Ateus e agnósticos, no entanto, levaram a pesquisa para uma direção completamente diferente.

Pessoas não-religiosas estavam dispostas a pagar cerca de US$ 1,66 para evitar a oração de um padre e mais do que dobrar esse preço em US$ 3,54 para evitar a oração de um estrangeiro cristão.

“O último resultado é surpreendente, porque se pode esperar que ateus / agnósticos sejam indiferentes às pessoas que oram por eles – por que se importar, se você não acredita no gesto?”, disse Thunström.

“Mas não é isso que descobrimos – ateus e agnósticos são avessos às orações, na medida em que estão dispostos a abster-se de dinheiro para garantir que não recebam uma oração de um cristão”, analisou a pesquisadora.

Fonte: Gospel Prime


Categorias

Polêmica